» Cadê o Game » Notícias » Novidades » Um tapa (virtual) na cara dos críticos: games e violência não têm ligação

Um tapa (virtual) na cara dos críticos: games e violência não têm ligação

06/11/2014 às 19:34 | 466 visualizações

100% 0%
O responsável pelos estudos, o pesquisador Christopher Ferguson, focou a primeira parte dos relatórios em filmes. Ele verificou as taxas de homicídio entre 1920 e 2005 e as comparou com a frequência de cenas violentas em filmes nessas épocas. Ferguson não encontrou nada que ligasse a violência nas produções cinematográficas aos atos de violência reais; na verdade, descobriu que durante os anos 90 as taxas de assassinatos diminuíram. Devemos lembrar que essa foi a época do ápice dos filmes de ação no cinema.

http://img.ibxk.com.br/2014/11/06/06152142344041.jpg?w=1040


Em relação aos video games, ele estudou os anos entre 1996 e 2011. Enquanto os gráficos ficaram mais e mais avançados, os índices de violência entre os jovens registraram queda. Ferguson diz que esses ataques da mídia sobre os jogos e filmes mascaram a verdadeira realidade por trás da violência.

"A sociedade tem uma quantidade limitada de recursos e atenção para se dedicar ao problema da redução da criminalidade", disse ele em seu estudo. E vocês, o que acham? Acreditam que esse preconceito das grandes mídias com os video games está diminuindo ou, algum dia, vai acabar?

Créditos: Baixaki Jogos, MVC UK 

Inserido por: Lone Wolf 

Comentários & Opiniões

Avaliação:

2 avaliações até o momento.

Positiva 100%
 
Negativa 0%
 
Quem já avaliou: Free Bird   379Felipe
Atenção! Somente usuários registrados poderão fazer comentários e avaliar o conteúdo, não perca tempo e cadastre-se. Caso você já seja cadastrado, clique aqui para entrar.

Entrar no Meu CG

Estatísticas

Usuários Registrados: 36495

Visitantes Online: 105

Usuários Online: 1

Total Online: 106

Usuários Online

Página Inicial | Equipe | Termos de Uso | Fórum | Chat

Criação de Sites e Desenvolvimento de Sistemas Web e Cloud em Pelotas/RS